Clicky

Agremiação • 06/03/2017 - 13:44 • Atualizado em: 06/03/2017 - 13:43

PCR diz que autorizou Camburão na Dantas Barreto, mas bloco não queria

Agremiação ganhou novo local, neste último domingo (5), e aconteceu na orla de Olinda

por
Foto: Chico Peixoto/LeiaJáImagens
Nessse domingo (5), o Coronel José de Almeida, presidente do Camburão da Alegria, disse que a agremiação tinha deixado de desfilar em Boa Viagem por "preconceito da prefeitura do Recife". Segundo ele, o pedido para que o evento voltasse à beira mar foi feito com antecedência, mas só foi respondido após 4 meses. Sob a justificativa de ordenamento urbano, desde 2014, a PCR só permite cinco eventos na famosa avenida da Zona Sul. O desfile do Camburão foi realizado pela primeira vez na beira mar de Olinda e se depender dos integrantes da agremiação seguirá por lá. 
 
A Prefeitura rebateu o Coronel. A gestão municipal da capital pernambucana afirmou que autorizou a realização do carnaval dos policiais militares na Avenida Dantas Barreto, pode onde o bloco desfila desde então. O convite feito pela prefeitura de Olinda, na verdade, salvou o desfile. "Já tínhamos decidido em reunião da diretoria que o bloco não sairia se a volta à Boa Viagem não fosse autorizada. Todas as autoridades já estavam cientes disso. Não havia outra alternativa. Não pedimos para desfilar na Dantas Barreto", contou o Coronel.
 
Na nota enviada ao LeiaJá, a prefeitura do Recife explica que o objetivo de proibir o desfile do Camburão na orla do Recife foi evitar "transtornos causados pelos diversos eventos que aconteciam na Avenida Boa Viagem". Entre os cinco permitidos pela gestão municipal, estão dois eventos religiosos, a Caminhada pela Paz, a Parada da Diversidade e o Réveillon.
 
José de Almeida também lembrou a reunião de 2014, quando foi vetado o desfile da agremiação e qual teria sido o argumento na época. "Lembro bem dos dois representantes jurando de pés juntos que nenhum trio elétrico desfilaria mais na Avenida Boa Viagem. Mas não é bem o que vemos. Os outros eventos também tem seus trios. Acho que o problema é mesmo com o carnaval. Poderiam ter sido mais sinceros", reclamou.
 
Com colaboração de Rebeca Ângelis
 
LeiaJá também
 
 
 
 

 


Comentários